Que a hidratação é muito importante para a nossa saúde, todos nós já sabemos. O que muita gente não sabe é que, com a chegada do calor, devemos redobrar a nossa atenção com a hidratação corporal.

O nosso corpo é constituído basicamente de água. Essa substância desempenha importantes funções no nosso metabolismo.

Dentre as principais, podemos citar o fluído como componente fundamental no transporte de nutrientes para todas as células e tecidos corporais, o seu papel na regulação da temperatura corporal e o seu trabalho no auxílio da eliminação de toxinas.

Outra notável função do líquido é ajudar na prevenção de doenças, como cistite, constipação, gota, sinusite, pedra nos rins e até dor de garganta.

As altas temperaturas levam o nosso corpo a perder mais líquido através do suor. Além disso, essa época do ano costuma ser acompanhada do período de férias, data em que normalmente ingerimos bebidas alcoólicas com uma maior frequência e nos alimentamos de pratos mais doces e gordurosos.

Tudo isso contribui para a desidratação do organismo. Para piorar, na maioria das vezes, não sentimos sede durante esse processo, intensificando a perda de líquido pelo corpo.

A desidratação pode trazer desde leve desconforto e dor de cabeça a sérios danos à saúde. Uma das consequências mais graves a longo prazo da desidratação é a insuficiência renal crônica, doença que, caso não tratada, pode levar à morte.

Para não sofrermos as consequências da desidratação, devemos sempre repor toda a água que perdemos durante o dia, seja pelo suor, seja pela urina. Assim, em períodos quentes, o consumo de água deve aumentar.

A orientação dada por especialistas é consumir pelo menos uma xícara de água por hora, enquanto estamos acordados.

Para monitorar o seu grau de hidratação, uma maneira relativamente eficaz é através da observação da cor da urina. Quanto mais escura, mais desidratado está o organismo.

Confira abaixo algumas dicas que podem te ajudar a manter-se hidratado no calor.

Beba mais água

É extremamente importante aumentar a ingestão de líquidos nessa época, especialmente quando fizer exercícios físicos, situação em que a perda de líquidos pode ser ainda maior (podemos perder até 6 litros de água por dia com a prática de exercícios prolongados).

Profissionais da área da saúde recomendam beber um copo de água antes de iniciar as atividades e um copo de água a cada 15 a 20 minutos ao longo dos exercícios.

Sempre tenha água ao seu alcance

Para não se esquecer de beber água, o ideal é sempre ter uma jarra de água gelada às mãos. Ao sair de casa, a opção pode ser levar uma garrafinha de água mineral consigo.

Aqui o consumidor deve atentar-se aos cuidados relacionados à higienização do recipiente e a qualidade da água mineral consumida.

Escolha alimentos ricos em água

Durante o verão, dê preferência a alimentos com alto conteúdo de água na sua constituição. Esses alimentos podem ser uma grande fonte de hidratação.

Abacaxi, acelga, alface, agrião, brócolis, couve, couve-flor, espinafre, jiló, maxixe, pepino, pimentão, repolho, rúcula, tomate, aspargos, laranjas, melancia, suco natural sem açúcar, água de coco, uva, maçã, morango, kiwi e limão são boas escolhas.

Evite ingerir líquidos ou alimentos que promovem a desidratação

O alto teor de açúcar em certos alimentos e refrigerantes propicia a perda de líquidos pelo corpo. Bebidas alcoólicas também devem ser evitadas devido a sua ação diurética já bem conhecida.

No caso dos sucos naturais, estes devem ser diluídos em água a razão de 50%. Outra alternativa para aqueles que acham a água mineral pura “sem graça” é o preparo de águas saborizadas.

Feitas com frutas frescas e ervas aromáticas, as águas saborizadas têm baixa quantidade de calorias e trazem diversos benefícios, como ação antioxidante, anti-inflamatória e termogênica.

Seguindo essas dicas, podemos evitar de maneira eficaz as desagradáveis consequências da desidratação nessa época de temperaturas mais elevadas.

A hidratação adequada é muito importante para o nosso corpo, uma vez que está direta e indiretamente ligada à todos os processos do nosso organismo.

Dependemos da água para manter nossos sistemas em equilíbrio e funcionando corretamente. Não há dúvidas: no calor, precisamos beber mais água!

Gostou do conteúdo? Então assine nossa newsletter para receber mais textos sobre saúde e bem-estar no seu e-mail sem pagar nada.

Artigos Recentes

Deixar um comentário