O magnésio é um mineral essencial para o bom funcionamento do nosso organismo. Embora pareça estranho, esse elemento participa de mais de 300 reações em nosso metabolismo e, depois do potássio, é o mineral mais importante para o corpo humano.

O magnésio é encontrado em sua maioria (cerca de 65%) nos ossos, 25% nos músculos e 10% no restante das células. Possui diversas funções, tais como participação na contração e relaxamento muscular, otimização da atividade de determinadas enzimas, produção e transporte de energia e produção de proteínas.

Após ler essas informações, você deve estar se perguntando: mas quais são os reais benefícios do magnésio para a saúde? Separamos alguns destes benefícios para que possa conferir e entender a importância deste elemento.

Alívio da dor muscular

Como já foi dito, o magnésio atua na contração e relaxamento da musculatura. Quando esse mineral está em baixas concentrações em nosso corpo, pode propiciar espasmos e dores musculares.

Dessa forma, uma dieta com a quantidade adequada de magnésio evita o surgimento de câimbras, dores musculares e leva à boa movimentação dos músculos.

Bom humor e saúde mental

O magnésio participa da bioquímica cerebral e, segundo alguns estudos, variados sintomas ligados à diferentes tipos de depressão foram observados em indivíduos com deficiência desse elemento.

Assim, o mineral exerce papel fundamental na manutenção do humor e equilíbrio emocional, evitando e aliviando distúrbios ligados à saúde mental como estresse e ansiedade. Além disso, vem sendo utilizado no auxílio do tratamento da depressão.

Ademais, o magnésio atua na prevenção de dores de cabeça e enxaqueca.

Boa digestão

O magnésio age também na musculatura do sistema digestivo, permitindo o bom funcionamento do trânsito intestinal, evitando a constipação. Podemos citar também, que ele evita outros problemas como dores abdominais, vômitos e gases.

Sistema cardiovascular saudável

Como já sabemos, o magnésio distribui-se por todos os sistemas do corpo humano, inclusive no coração. Em conjunto com o cálcio, o magnésio trabalha na regulação dos batimentos cardíacos e no controle da hipertensão arterial.

A depleção desse mineral pode levar ao surgimento de consequências sérias para o coração, que baterá em ritmo lento ou descompensado, podendo resultar num ataque cardíaco.

Combate ao diabetes e ajuda na perda de peso

Segundo alguns estudos, a deficiência de magnésio pode prejudicar a ação e os níveis da insulina na corrente sanguínea. A insulina é um hormônio que atua regulando a concentração de glicose no sangue e sua disfunção contribui para o surgimento da resistência insulínica e do diabetes.

Além disso, o consumo adequado de magnésio leva ao bom funcionamento de enzimas digestivas, otimizando a absorção de nutrientes necessários para o nosso organismo, quebrando o ciclo de alimentação excessiva.

O ciclo se quebra pois, ao ter à disposição todos os nutrientes necessários na dieta, o corpo tem a sensação de saciedade de forma mais intensa e prolongada, contribuindo para a perda de peso.

Por fim, a ajuda do magnésio no controle dos valores glicêmicos evita o excesso de açúcar no sangue e, consequentemente, a produção de gordura.

Prevenção da osteoporose

Anteriormente, dissemos o quão presente o magnésio está em nossos ossos! Esse mineral interfere no processo de formação óssea, contribuindo para uma densidade óssea saudável.

Esse fator positivo é excelente para crianças e adolescentes que estão em desenvolvimento e para os adultos e idosos, ajuda na manutenção da boa densidade óssea, prevenindo a osteoporose.

Existem muitos outros benefícios do magnésio para a saúde e isso comprova o quão importante este elemento é para o corpo humano!

Mesmo já tendo sido dito, precisamos salientar que a deficiência de magnésio pode acarretar náuseas, vômitos, câimbras, espasmo musculares, fadiga, fraqueza até doenças mais graves como diabetes, hipertensão, alterações do humor, dentre outras.

O valor necessário para a ingestão desse mineral varia de acordo com a idade e o sexo de cada um, mas em homens e mulheres maiores de 18 anos, esse valor flutua entre 310mg a 420mg diários.

Vale lembrar que o nosso organismo não produz magnésio, sendo preciso que ele seja consumido na dieta. O magnésio pode ser encontrado em legumes de folha verde, sementes como de girassol e de linhaça, amêndoas, nozes, leite, cereais e em algumas águas minerais.

A Água Mineral Treze Tílias é um destes exemplos, possuindo em sua composição diversos nutrientes e minerais, incluindo o magnésio!

 

Artigos Recentes

Deixar um comentário