Todos já sabem como a água é benéfica em todas as fases da vida e para diversas atividades. Desde o momento que se acorda até a hora de dormir, a ingestão adequada de água permite:

  • Melhora da circulação sanguínea;
  • Limpeza de impurezas do organismo;
  • Aumento da produtividade no trabalho;
  • Melhor desempenho em exercícios físicos.

Se você é praticante de atividade física, já deve ter percebido o quanto a água é importante nesses momentos. Independente da modalidade que você pratica, existem quantidades de água necessárias e ideais para que o corpo consiga atingir seu máximo desempenho sem perder a hidratação.

A ingestão adequada de água para praticantes de atividade física se faz importante também para reposição de líquidos perdidos no suor.

É estimado que perde-se cerca de 1 a 2 litros durante 1 hora de exercício, a variação depende de fatores como a temperatura do ambiente e a umidade relativa do ar.

Durante a transpiração perde-se água e eletrólitos, e caso não haja reposição adequada e em tempo, a pessoa pode ficar desidratada e ainda perder boa parte do seu condicionamento físico.

Essa perda de condicionamento físico se dá pois, quando não há hidratação, o organismo tende a buscar líquidos de outras partes do corpo, forçando o bombeamento sanguíneo e o aumento da frequência cardíaca.

Esse aumento da frequência cardíaca acaba falhando fazendo com que haja redução na capacidade respiratória e consequentemente afetando negativamente o desempenho na atividade física. Com isso, o praticante fica cansado e não consegue dar continuidade ao exercício com qualidade.

Estima-se que a perda de 4% ou mais de líquido corporal, diminui em 20 a 30% no desempenho do praticante da atividade física, requerendo então um esforço maior por parte do atleta, fazendo com que ele possa chegar a exaustão mais rapidamente.

Por outro lado, se houver hidratação ideal, a perda de líquido de 2% apenas daria uma sensação de sede, e logo o praticante deve repor até mesmo antes dessa sensação.

Perda de líquido durante atividade física é mecanismo natural

Por que perde-se tanto líquido durante a atividade física? A resposta é que isso nada mais é do que um mecanismo fisiológico, ou seja, natural do corpo.

Esse mecanismo permite que haja equilíbrio na temperatura central do corpo, uma vez que os músculos emitem grande quantidade de calor que dissipa-se ao ambiente. O resultado dessa produção de calor é a transpiração (ou sudorese) que controla a temperatura corporal.

Porém, se essa perda de líquido não for reposta com a ingestão adequada de água, ocorrerá um desequilíbrio na temperatura do corpo que aumentará e o desempenho tão logo, diminuirá.

Quanto de água é ideal?

De acordo com a American College Of Sports Medicine, instituição que rege protocolos sobre atividades físicas para o mundo inteiro, existe um protocolo geral de hidratação antes, durante e depois do exercício.

Recomenda-se a ingestão de 500 ml de água cerca de 2 horas antes do exercício para que o praticante inicie a atividade com um bom aporte hídrico, para os primeiros momentos da atividade. Durante a atividade física, recomenda-se a ingestão de 150 a 300 ml de água em intervalos de 15 a 20 minutos.

Vale ressaltar que mais importante que o volume de água, é a frequência. É mais vantajoso fracionar a quantidade de água em pequenos intervalos, do que beber um volume grande de uma vez só.

E depois da atividade física, é preciso que haja uma hidratação adequada e de acordo com o volume de líquido perdido durante a atividade física, pelo menos 50% maior do que o volume de suor perdido.

Para isso, o praticante deve se pesar antes da atividade física e depois da atividade física, estimando que a cada 100 gramas de peso perdidos, são 100 ml de suor. Por exemplo, se a pessoa perdeu 500 gramas ao final da atividade física, é estimado que ela precise repor 500 ml de água em até 6 horas após a atividade física.

Como dito anteriormente, é preferível que essa hidratação seja feita periodicamente e fracionadamente. Ou seja, o hábito de beber água deve estar presente durante todo o dia do praticante de atividade física.

Vale ressaltar também, que se você é um praticante de atividades de longa duração, outros tipos de hidratação são necessários para você. Por isso, é importante consultar um preparador físico, nutricionista e médico antes.

Mas de maneira geral, para a grande maioria dos praticantes de atividades físicas de rotina, a água mineral já é suficiente pois possui as quantidades de minerais necessárias para a reposição de eletrólitos.

Gostou das dicas? Então deixe seu comentário contando como você faz para manter sua hidratação durante a atividade física e qual atividade você pratica!

Artigos Recentes

Deixar um comentário